terça-feira, 26 de outubro de 2010

I have a dream...

"Há momentos em que sente que escreveu exactamente aquilo que queria escrever?

São aqueles em que sentimos "é isto". Os bons momentos parece que nos são oferecidos, que não nos pertencem. Nunca releio os meus livros. É um paradoxo, porque escrevemos os livros que gostávamos de ler e depois não os lemos. E, se leio, começo logo com vontade de corrigir aquela porcaria toda."


António Lobo Antunes, à Revista Única do Expresso.


Tenho o sonho de um dia escrever um livro.

Por curiosidade fui verificar: o génio Lobo Antunes escreveu a sua primeira obra aos 37 anos de idade.

Depois, pensei para comigo: foda-se.

1 comentário:

Carlota Siéva disse...

uau. um dos meus sonhos também passa por editar o que escrevo (não mostro os meus textos a ninguém, mas a ideia de os mostrar ao mundo inteiro de uma vez já parece agradável, estranho). e pensaste bem. foda-se. mesmo.